Novo CadÚnico 100% digital em 2021? Conheça a proposta

[ad_1]

Para evitar aglomerações, e consequentemente o contágio pelo novo coronavírus, o governo federal suspendeu durante meses os atendimentos presenciais de programas sociais. Entre eles as inscrições para inclusão no Cadastro Único (CadÚnico).

Realizado pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), o processo de adesão ao banco de dados do governo para programas de políticas públicas teve os atendimentos paralisados durante a pandemia, o que prejudicou o acesso de novas famílias ao cadastro.

Na tentativa de garantir a continuidade do serviço mesmo em tempos de crise sanitária, a senadora Elizane Gama (Cidadania-MA) propôs a implantação do Cadastro Único 100% Digital. A ideia é criar uma plataforma de inserção dos dados de beneficiários de forma totalmente automatizada, segura e isenta de qualquer risco de fraude.

Em abril, dados apontaram que há 46 milhões de brasileiros em situação de vulnerabilidade social, os chamados “invisíveis”. O montante representa 1/4 da população nacional. Ainda em discussão, a ideia do CadÚnico 100% digital pode receber novos desdobramentos em 2021.

Como consultar o Cadastro Único (CadÚnico)

Hoje em dia, o cidadão conta com 3 formas distintas de consulta ao programa, na verificação se já existe algum cadastro ativo ou se os dados informados estão devidamente atualizados. Confira as opções:

  • Aplicativo “Meu CadÚnico”, disponível para Android e iOS;
  • Site “Meu CadÚnico”, preenchendo o nome completo, data de nascimento, nome da mãe e estado;
  • Pela central de atendimento, no telefone 0800 707 2003.

Leia ainda: Governo vai antecipar 13º do INSS e abono salarial PIS/Pasep em 2021



[ad_2]

Source link